A Decanter

A Decanter está presente em 17 estados brasileiros, se destacando entre as maiores e melhores importadoras de vinhos do país.
Em Londrina há 8 anos, a Decanter dispõe de um portfolio com aproximadamente 1.800 rótulos de mais de 18 países; França, Itália, Brasil, Portugal, Chile, Argentina, Uruguai, Espanha, Estados Unidos e Austrália são alguns deles.
Na Decanter você conta com equipe especializada e preparada para prestar a melhor assessoria na escolha dos vinhos, de acordo com a ocasião, seja para o seu evento ou no conforto da sua casa.
Além dos vinhos você também encontra uma linha completa de produtos finos, incluindo whiskys, cervejas e itens de empório gourmet.
Venha para a Decanter, você vai encontrar os melhores rótulos com preço de distribuidor, confira!

Decanter

Vitrine



Ofertas Decanter


Blog

ESPUMANTES

05.11.2017

ESPUMANTES

QUANDO OS ESPUMANTES TIRARAM A TRANQUILIDADE DO VINHO. Quando pensamos na relação da humanidade com os vinhos, isso se dá a vários milênios, mas quando falamos dos e... Leia mais

Vinho Arpepe, distribuído pela Decanter, é destaque de Jorge Lucki na CBN; conheça tudo sobre a vinícola

13.09.2017

Vinho Arpepe, distribuído pela Decanter, é destaque de Jorge Lucki na CBN; conheça tudo sobre a vinícola

O vinho ArPePe, distribuído no Brasil pela Decanter, ganhou o destaque do especialista e crítico de vinhos Jorge Lucki em sua coluna Momento do Brinde na Rádio CBN como um dos gra... Leia mais

CORTE BORDALÊS FORA DE BORDEAUX

31.08.2017

CORTE BORDALÊS FORA DE BORDEAUX

Quando pesamos em vinhos, logo nos vem à mente as regiões de maior prestigio no mundo. Para o público em geral pensar em vinho de extrema qualidade é pensar na Franç... Leia mais


Matérias anteriores

Harmonização

Entradas

Com as entradas, devemos observar a ordem dos vinhos; leves antes de encorpados e em qualidade crescente, espumantes, brancos e posteriormente tintos. Lembre-se também que se o menu demandar um tinto bem estruturado de entrada, evite servir um prato principal que peça um branco leve para evitar contrastes que podem prejudicar a harmonização.

Sugestões

- QUINTA DO CORREIO DÃO BRANCO 2013 harmoniza com BRUSCHETA CARPACCIO - BRUSCHETTA DE COGUMELOS - QUICHE LORRAINE
- SAURUS PINOT NOIR 2013 harmoniza com TORTA FOLHADA COM COGUMELOS - QUEIJOS DELICADOS
- INTIS SAUVIGNON BLANC 2014 harmoniza com SUSHI - SASHIMI - VOL-AU-VENT COM ASPARGOS

  • QUINTA DO CORREIO DÃO BRANCO 2013

  • SAURUS PINOT NOIR 2013

  • INTIS SAUVIGNON BLANC 2014

Carnes Vermelhas

As carnes vermelhas, incluindo o churrasco e de caça, em razão da sua suculência, pedem vinhos mais encorpados. Particularmente a bovina e a ovina tendem a complementar com vinhos tintos tânicos. Os molhos, entretanto, interferem na escolha, assim como o método de cocção que for utilizado no preparo da carne, em um cozido o vinho tinto deve ter uma estrutura média para não sobrepor os aromas mais sutis que se desenvolvem neste tipo de preparação.

Sugestões

- BLACK LABEL BONARDA 2012 harmoniza com PEITO BOVINO ESTUFADO COM POLENTA CREMOSA
- CABERNET SAUVIGNON ESTATE RESERVA 2013 harmoniza com CARNES VERMELHAS GRELHADAS EM GERAL
- BLACK LABEL MALBEC 2012 harmoniza com PICANHA NA BRASA - BIFE DE TIRAS - ANGUS NA BRASA

  • BLACK LABEL BONARDA 2012

  • CABERNET SAUVIGNON ESTATE RESERVA 2013

  • BLACK LABEL MALBEC 2012

Aves e Porco

A carne branca (aves e porco) tem sabor relativamente neutro, assim, a escolha do vinho deve considerar sua receita e preparo. Aqui cabem borgonheses tintos e leves, alguns brancos e Pinot Noir.

A carne de porco é versátil, admite diversos modos de preparos, seja fresca, defumada ou salgada, e cada um requer um vinho específico, que vão desde um branco mais leve até um branco aromático e adocicado, e dos tintos leves e frutados até os rosés.

Sugestões

- DADÁ ART WINE 2 2012 harmoniza com COXA DE PATO ASSADA NA BRASA - CODORNA RECHEADA
- MEMORIAS 2010 harmoniza com MARRECO ASSADO NA BRASA
- MERLOT 2012 harmoniza com PERNIL SUÍNO MARINADO NO AZEITE

  • DADÁ ART WINE 2 2012

  • MEMORIAS 2010

  • MERLOT 2012

Peixes e frutos do mar

Nos pratos com peixes e frutos do mar, o sabor dominante geralmente é determinado pelo molho. Os com molhos cremosos vão bem com vinhos brancos encorpados, ao passo que os à base de tomate requerem vinhos tintos de médio corpo.

É importante ter em mente que o modo de preparo, isto é, a técnica de cocção empregada, além dos demais ingredientes do prato, é que vão dar as principais pistas para a escolha do vinho apropriado. Um filé de atum ligeiramente tostado pelo lado de fora e bem malpassado no interior será mais bem escoltado por um tipo de vinho (branco seco de média a baixa acidez) totalmente diferente (branco com alta acidez) para acompanhar um filé de atum cozido em um molho à base de tomate e ervas frescas.

Sugestões

- LOUREIRO MUROS ANTIGOS VINHO VERDE 2013 harmoniza com SARDINHAS NA BRASA - BACALHAU GOMES DE SÁ
- INTIS CHARDONNAY 2014 harmoniza com FRUTOS DO MAR - SALADA DE PESCADO - CAMARÃO À PROVENÇAL
- MUROS ANTIGOS ESCOLHA VINHO VERDE 2013 harmoniza com BACALHAU AO LAGAREIRO - BACALHAU NA BRASA

  • LOUREIRO MUROS ANTIGOS VINHO VERDE 2013

  • INTIS CHARDONNAY 2014

  • MUROS ANTIGOS ESCOLHA VINHO VERDE 2013

Massas

Quando pensamos em massa e vinho a primeira questão é saber qual tipo de molho será usado e assim optar por um tipo de vinho. Molho ao sugo por exemplo tem a sua acidez ressaltada assim um vinho tinto refrescante e leve será uma boa combinação. Molho branco quase sempre fica muito agradável acompanhado com vinho branco aromático e levemente amadeirado; já molhos constituídos por carne vermelha precisam de vinhos com maior estrutura e os tintos encorpados podem ser uma opção agradável. Lembre-se: Tenha em mente a estrutura do molho para encontrar o melhor vinho.

Sugestões

- INTIS TEMPRANILLO 2014 harmoniza com MASSAS RECHEADAS COM COGUMELOS - MASSAS AO MOLHO AO SUGO
- CARMÉNÈRE 2012 harmoniza com RAVIOLI RECHEADO COM RAGU BOVINO
- INTIS CABERNET SAUVIGNON 2014 harmoniza com MASSAS EM MOLHO À BASE DE TOMATES MADUROS ERVAS FRESCA

  • INTIS TEMPRANILLO 2014

  • CARMÉNÈRE 2012

  • INTIS CABERNET SAUVIGNON 2014

Queijos

Para praticar a enogastronomia com o queijo e vinho, devemos conhecer o vinho, procurando saber sobre suas características básicas, como grau de envelhecimento, corpo, estrutura, teor de álcool e açúcar bem como o nível de acidez. Para o queijo, devemos agir do mesmo modo, investigando as nuanças de aromas, texturas, teor de gordura e de sal. Assim, na prática, podemos sugerir que queijos brancos frescos, com baixa ou média acidez e pouca gordura são mais compatíveis com vinhos leves, brancos ou tintos. Queijos macios, onde o teor da gordura já seja mais perceptível (amanteigados e com boa untuosidade) pedem vinhos de corpo médio e ligeiramente tânicos. Para os queijos azuis, salgados, com alto teor de gordura, os vinhos com acidez e com doçura são os mais recomendados. Já para os queijos amadurecidos, onde os aromas se fazem mais presentes, aconselham-se os vinhos mais estruturados.

Sugestões

- MARQUÊS DE MONTEMOR VR ALENTEJADO 2013 harmoniza com QUEIJOS DE CABRA FRESCO
- CHARDONNAY ESTATE RESERVA 2013 harmoniza com QUEIJOS CREMOSOS
- VINHO VERDE LOUREIRO COLHEITA SELECCIONADA 2013 harmoniza com QUEIJOS FRESCOS

  • MARQUÊS DE MONTEMOR VR ALENTEJADO 2013

  • CHARDONNAY ESTATE RESERVA 2013

  • VINHO VERDE LOUREIRO COLHEITA SELECCIONADA 2013

Pizzas

Pizzas são um caso à parte, pois envolvem uma grande gama de sabores e aromas, sem falar das combinações entre queijos, molhos e complementos que quase todas possuem. A principal dica é apostar em tinto jovens, leves e com bom frescor, quase sempre são muito versáteis para uma harmonização com diversos sabores de pizzas.

Sugestões

- CARMENERE ESTATE RESERVA 2012 harmoniza com PIZZAS EM GERAL
- PINOT NOIR 2013 harmoniza com PIZZAS COM GUARNIÇÕES LEVES
- SYRAH RESERVA 347 VINEYARD RESERVA 2013 harmoniza com PIZZA COM GUARNIÇÕES DE EMBUTIDOS E DEFUMADOS

  • CARMENERE ESTATE RESERVA 2012

  • PINOT NOIR 2013

  • SYRAH RESERVA 347 VINEYARD RESERVA 2013

Sobremesas

Para as sobremesas, escolha um vinho mais doce do que a sobremesa, ou opte por um vinho de teor alcoólico ligeiramente mais alto, pois se chegou ao fim da refeição. Sobremesas de sabor intenso ficam bem harmonizadas com vinhos potentes e fortificados. Lembrando que os vinhos de sobremesa, pode por si só encerarem um jantar.

Sugestões

- LATE HARVEST SÉMILLON LEGADO 2005 (375ml) harmoniza com TARTELETTE COM CREME PATISSIERE - PLATÔ DE QUEIJOS AZUIS
- RIESLING LATE HARVEST 375ML 2014 harmoniza com TORTA ASSADA A BASE DE FRUTAS TROPICAIS - OU SOZINHO COMO APERITIVO
- ASTI ESPUMANTE harmoniza com FRUTAS FRESCAS COM NATA - MORANGOS - PAN D´ORO

  • LATE HARVEST SÉMILLON LEGADO 2005 (375ml)

  • RIESLING LATE HARVEST 375ML 2014

  • ASTI ESPUMANTE

Publicidade Publicidade

Abrir no Google Maps

Decanter @ 2015 todos os direitos reservados